REALIDADES ATEMPORAIS

Sentir uma imagem, é criar uma realidade,
dentre as muitas possíveis.

Para ser mais sincero, esta foto não foi feita,
com efeitos especiais ou recursos digitais.

Nada que reflexos em vitrines, não sejam interessantes.

Seja em qual ambiente estivermos,
seremos do modo como nos enchergam,
independentemente do quê somos para nós mesmos,  
embora isto,  já seja um outra imagem/realidade.

Cada objeto, (inclusive as siluetas) assumem uma única imagem
da mesma imagem, isto é : a foto da foto, a análise da análise,
o conceito de um conceito.

E isto que vejo em São Paulo, pessoas, luzes, velocidades, lugares,
permeando-se e sobrepondo-se ao mesmo tempo e espaço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: